Inscrições abertas para o 7º Encontro Nacional de Blogueiros e Ativistas Digitais, que ocorre em Maricá/RJ

Após quatro anos de hiato, o Encontro Nacional de Blogueiros e Ativistas Digitais está de volta! A sétima edição do #BlogProg, que ocorrerá no Teatro Henfil, em Maricá, no Rio de Janeiro, já tem data para acontecer: 22, 23 e 24 de julho. Com uma programação recheada de nomes de peso da comunicação e da cultura, o evento discutirá estratégias, experiências e ideias para enfrentar a batalha eleitoral decisiva de 2022, praticamente um plebiscito entre civilização ou barbárie.

Com apoio da Prefeitura Municipal de Maricá, o Centro de Estudos da Mídia Alternativa Barão de Itararé anuncia a abertura das inscrições para o evento, além de parte da programação já confirmada. Além dos debates, também serão realizadas rodas de conversa e trocas de experiência sobre a produção e a articulação das mídias alternativas, blogosfera, comunicadores e ativistas digitais.

A taxa de inscrição é de R$ 50, sendo que estudantes têm direito à meia-entrada. O prazo final para as inscrições termina no dia 15 de julho. Garanta já a sua vaga clicando aqui!

Programação:

22 de julho, sexta-feira, às 18 horas
Abertura: Cido Cidoli (SP) e Débora Cruz (DF)
– Apresentação dos objetivos e dinâmica do evento;
– Apresentação da cidade e das experiências de Maricá – prefeito Fabiano Horta;
– Homenagem a Paulo Henrique Amorim – Geórgia Pinheiro;
– Homenagem a Marielle Franco – Marinete da Silva (mãe);
– Homenagem a Alexandre Teixeira – Henrique Pizzolato;
– Homenagem a Antonio Barbosa Filho – Kado Moura (filho)

22 de julho, sexta-feira, às 19 horas

“Civilização ou barbárie: O que está em jogo na eleição” – mesa: Eliara Santana (MG) e Theo Rodrigues (RJ)
– Hildegard Angel – jornalista;
– João Pedro Stédile – coordenação do MST;
– Cláudia Santiago – coordenação do NPC;
– Txai Suruí – coordenadora do Movimento da Juventude Indígena;

23 de julho, sábado, às 9 horas

“Como enfrentar a guerra suja da campanha eleitoral” – mesa: Larissa Gould (SP) e Oscar Barros (PI);
– Maria José Braga – presidente da Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj);
– Octávio Costa – presidente da Associação Brasileira de Imprensa (ABI);
– Letícia Sallorenzo – jornalista, linguista e autora do livro “Gramática da manipulação”;
– Rita Von Hunty (Tempero Drag);

* Informes sobre fóruns da internet – Marcos Dantas (20 minutos);

23 de julho, sábado, às 14 horas

“Uma plataforma para democratizar a comunicação” – mesa: Tania Mandarino (PR) e Dimas Roque (BA);
– Beth Costa – coordenadora do Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação (FNDC);
– Renata Mielli – coordenação do Centro de Estudos Barão de Itararé;
– Sergio Amadeu – professor da Universidade Federal da ABC (UFABC), criador e apresentador do podcast Tecnopolítica;

23 de julho, sábado, às 16 horas

Lançamento de livros (30 minutos):
– Como derrotar o fascismo – Renato Rovai e Sérgio Amadeu;
– Novos rumos da comunicação comunitária no Brasil – André Fernandes (org.);

23 de julho, sábado, 17 horas: Roda de conversa e troca de experiências

Grupo 1. Coordenação e relatoria: Luciana Oliveira (RO) e Lissandro Nascimento (PE)
– Leonardo Attuch (Brasil 247);
– Miguel do Rosário (O Cafezinho e revista Fórum);
– Roni Barbosa (Brigadas Digitais da CUT);
– Rodrigo Pilha;

– Grupo 2. Coordenação e relatoria: Amanda Rodrigues (PB) e Fred Noleto (GO);
– Kiko Nogueira (DCM);
– Daniel Pears (Mídia Livre);
– Gilberto Souza (Correio do Brasil);

– Grupo 3. Coordenação e relatoria: Daniel Dantas (RN) e Andressa Flores (RS)
– Anderson Moraes (Empoderado);
– Fernando Brito (Tijolaço);
– Renê Silva (Vozes da Comunidade – Complexo da Maré-RJ);
– Bruna Brelaz (presidenta da UNE);

23 de julho, sábado, às 21 horas
– Gandaia – grupo musical de Maricá, cachaça e muita gargalhada;

24 de julho, domingo, das 9 às 13 horas. Coordenação: Conceição Oliveira e Altamiro Borges;
– Saudação das delegações latino-americanas. Coordenação: Cláudio Machado (20 minutos);
– Experiência do ComunicaSul na Colômbia – Felipe Bianchi (20 minutos);
– Apresentação do documentário “Não foi acidente, mataram meu pai” – diretora Jana Sá (1h10).
– Lançamento dos livros (breve apresentação de 30 minutos):
– Democratizar a comunicação – Theófilo Rodrigues e Larissa Ormay (org.);
– O outro lado – Amanda Rodrigues;
– De Lula a Bolsonaro: combates na internet – Rodrigo Vianna;
– Filme sobre Julian Assange;

– Aprovação da Carta do 7º Blogprog – encaminhar previamente proposta de texto de Rodrigo Vianna (30 minutos);
– Eleição da nova comissão nacional do Blogprog; um representante por estado – responsável Cido (30 minutos);

Fonte: Barão de Itararé

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.